Como transformar 50 reais em 8 mil?

Hoje, após um tempo longo sem escrever, “ressuscitamos” o nosso blog com um case de 2009. E por que, após tanto tempo sem escrever, escolhemos esse case que já tem 3 anos (3 anos se tratando de internet é muito tempo).

Antes da massificação da internet como meio de publicidade, poucos empresários tinham a chance de divulgar os seus negócios, já que fazer anúncios em rádio, TV, revistas e jornais, geralmente, não é um invertimento acessível aos pequenos e médios empresários. O que queremos mostrar com o case abaixo, é que a internet é um campo ilimitado para ações e campanhas, sejam elas publicitárias ou não, para quem tem uma verba alta ou não.

A história é a seguinte:

O Albergue Estação Bem-Estar acolhe, cuida e reabilita moradores de rua da zona sul de São Paulo. Eles colocaram um anúncio no site http://www.imovelweb.com.br de uma moradia de rua, como se a mesma estivesse à venda, já que o morador tinha conseguido um local melhor para morar, o albergue em questão. A ideia era impactar as pessoas que estão buscando imóveis para alugar ou comprar e sensibilizá-las a fazerem uma doação ao albergue.

Com apenas R$ 50,00, valor pago pelo anúncio, eles conseguiram com que 921 pessoas fizessem uma doação e arrecadaram cerca de R$ 8.000,00.  Além disso, a ação impressionou o júri de Cannes por ser inusitada e extremamente simples e universal, o que lhes rendeu Leão de Prata num ano em que foram dados apenas 2 Leões para o Brasil, o outro de Bronze.

Assim, quais os itens que fazem com que uma ação tenha sucesso na internet?

– PLANEJAMENTO: qual o público que queremos atingir? Qual o objetivo da ação: vendas, fixação da marca ou relacionamento?

– PRODUÇÃO: elaborar textos, artes, vídeos, enfim, o material necessário para transformar sua ideia em algo acessível ao grande público. Enfim, aqui entra aquele item que diferencia os bons dos excelentes: criatividade!

– PUBLICAÇÃO: disponibilize seu material na internet – portais, blogs, redes sociais, youtube.

– PROMOÇÃO / PROPAGAÇÃO: faça as ações necessárias para pulverizar seu material para o público alvo que você quer atingir. Atualmente, as redes sociais tem feito muito bem esse papel. No caso do albergue, a ação foi publicada em um conhecido portal de imóveis, com um volume considerável de visitas, o que a tornou visível por um grande número de pessoas.

– ANÁLISE / MEDIÇÃO: muita gente se esquece (ou não entende a importância) desse passo. Mas, analisar e medir os resultados com a campanha, durante o andamento da mesma, é fundamental para efetuar alterações necessárias, traçar estratégias para as próximas campanhas e verificar se o resultado da ação foi satisfatório. Atualmente, há inúmeras ferramentas para medir resultados e muitas são gratuitas.

Com esses pequenos cuidados e uma ótima ideia, as chances de sua campanha na internet ser bem sucedida são de quase 100%.

Agora, assistam o case que comentados e inspire-se!

Por Graziella BeHertzog
Diretora Executiva da BSC Comunicação e do Portal Bela Santa Catarina

Anúncios

Infográfico mostra o comportamento dos usuários nas redes sociais

Todos estão falando sobre isso, parece um assunto batido. No entanto, para quem trabalha com marketing e comunicação digital e também para quem pretende melhorar a publicidade e o marketing digital da sua empresa na internet, é um assunto que não tem fim, já que esses números mudam na mesma velocidade que a internet.

O infográfico abaixo foi elaborado  com base em uma pequisa realizada pela Hi.mídia, em parceria com a M.sense, em março deste ano que e analisou o comportamento de 484 pessoas nas redes sociais.

Dados a serem destacados desta pesquisa:

1 – 95% dos usuários de internet acessaram ao menos 1 rede social nos últimos 30 dias.

2 – Como todos imaginam o facebook é a rede social mais acessada –> 72% das pessoas acessam ao menos 1 vez por dia

3 – Um número crescente de pessoas está acessando as redes sociais através de dispositivos móveis, chegando a 25% quando se fala em twitter e 23% em facebook.

4 – 65% das pessoas comentam sobre a compra de produtos ou serviços nas redes sociais.

5 – 57% das pessoas curtem uma marca ou produto no facebook, sendo que 65% destas pessoas estão em busca de novidades sobre a marca.

6 – O facebook é mais utilizado para comunicação com amigos e familiares, ao passo que o twitter é usado mais para obtenção de informação rápida e instantânea.

7 – No facebook, mas da metade das pessoas é participante, ou seja, comenta, curte, compartilha e interage.

Os dados acima são muito importantes no momento de decidir em qual das redes sociais você vai colocar os seus maiores esforços. Que tipo de informação você quer passar para o seu cliente, quer tipo de interação deseja?

O ideal é termos pessoas capacitadas para administrar nossas informações nas redes sociais, pois pequenos erros podem atrapalhar em muito a imagem de nossa empresa perante o público, fora o fato de que na internet as informações se espalham muito rapidamente. Assim, é necessário cautela, planejamento e profissionalismo na hora de expor sua marca nas redes sociais.

Conheça os 5 perfis dos usuários online

O infográfico elaborado pela Babushka Social Media mostra que existem 5 perfis de usuários na internet: curadores, produtores, comentadores, compartilhadores e espectadores.

Vê-se pelo infográfico que a maioria dos usuários é espectador, ou seja, quer ver, ler e/ou assistir conteúdo.  Por isso o marketing de conteúdo está sendo alvo de tanto estudo atualmente. Temos que criar conteúdos interessantes para atrair os olhares do internautas para nossa marca. E melhor ainda se o conteúdo gerar compartilhamentos!

Hoje, empresas especializadas em criar conteúdos fazem esse trabalho para as marcas, divulgando conteúdo de interesse pelo facebook, blogs, youtube, twitter e outras redes sociais. É uma propaganda que vai fidelizar o seu consumidor e tem um excelente custo/benefício.

TED – Derek Sivers: Como iniciar um movimento

Consideramos esse TED de Derek Sivers “Como iniciar um movimento” muito interessante para postar aqui em nosso blog, pois além de falar de liderança, ele trata de um assunto muito atual: seguidores e formação de uma rede social efetiva.

Se analisarmos esse TED de fevereiro de 2010, veremos que ele tem tudo a ver com “era facebookiana” que estamos vivenciando. Afinal, qual o nosso intuito quando criamos páginas para nossas empresas no facebook? Queremos fãs, seguidores e propagadores da marca.

A principal lição desse vídeo é: trate os seus primeiros seguidores com carinho especial, pois eles são tão importantes quanto você para o sucesso da sua marca. Assistam e reflitam:

Infográfico: participação de homens e mulheres nas redes sociais

Hoje em dia existem diversas redes sociais, o que pode causar uma certa confusão na hora de planejar uma estratégia de marketing e publicidade online. Por isso é muito importante que conheçamos alguns dados de cada rede social para decidir, enfim, qual a melhor alternativa para o seu negócio.

Das redes sociais mais conhecidas no Brasil, o Pinterest, o Ning, o Twitter e o My Space são as preferidas entre as mulheres e o Badoo, o Digg, o Del.icio.us e o Google+ são as mais usadas pelos homens. Em relação às redes OrkutFoursquare, Instagram, Facebook, Youtube, Linkedin e Flickr há praticamente um equilíbrio. Em breve falaremos sobre cada rede social aqui em nosso blog.

Abaixo, um Infográfico com informações compiladas por David McCandless que mostra a participação de homens e mulheres nas principais redes sociais:

Ushuaïa Ibiza: hóspedes compartilhando suas experiências em tempo real no facebook

Vejam que interessante esse case do Ushuaïa Ibiza Beach Hotel. É considerado o primeiro hotel do mundo a dar a oportunidade para os seus hóspedes e clientes compartilharem suas experiências no facebook.

Sem dúvida, o Ushuaïa Ibiza é uma empresa que tem um valor bastante alto para investir em mídia, porém, com criatividade é possível adaptarmos algumas dessas ideias para o seu hotel/pousada com um custo bem mais atrativo, fazendo um marketing digital de qualidade e que vai apaixonar e engajar os seus clientes e potenciais clientes.

Assista o case: